LIVROS

Drica Pinotti é autora de 16 livros, entre eles a série bestseller "De menina a mulher", pela Editora Verus e os livros A pílula do Amor e Antídoto, pela Editora Prumo, voltados para o publico adulto.

A pílula do Amor

ISBN 978-85-7927-087-1

Esta poderia ser mais uma daquelas histórias em que a protagonista está na faixa dos 30 anos, é bonita, descolada, tem um emprego legal, uma mãe meio rebelde e sonha com um grande amor que de preferência não dê muitos palpites em sua vida. Poderia, se Amanda não contasse com um ingrediente a mais: ela é absolutamente hipocondríaca. Não passa uma semana sem se presentear com uma consulta ao novo especialista da cidade, seja lá qual for a especialidade. A chegada de Brian à vida de Amanda bem que poderia dar uma virada de mesa nessa situação, mas ele tem um cachorro, o que inviabiliza qualquer possibilidade de romance. Afinal, Amanda prefere morrer solteira a conviver com os milhares de germes daquele animal "selvagem"... A pílula do amor é um romance sobre neuras, mas sobretudo sobre tolerância. Brian saberá dar a Amanda o remédio de que ela no fundo precisa? E Amanda conseguirá descobrir qual é a verdadeira causa de seu problema e poderá ter uma vida normal e feliz? Descubra a resposta na divertida história de Drica Pinotti, um livro que fará você rir muito, lembrar de pessoas conhecidas e, principalmente, parar para pensar se não está levando as coisas muito a sério.

Antídoto

ISBN 978-85-7927-249-3

Se a Carrie Bradshaw, do popular seriado Sex and the City, tivesse uma versão brasileira, certamente seria a Drica Pinotti, autora do best-seller juvenil “De menina a mulher”. Estilosa e divertida, a escritora, formada em moda e louca pelos famosos sapatos da marca Louboutin, mora há quatro anos em Nova York, e é de lá que vem a inspiração para escrever seus romances voltados para o público adulto. As aventuras inéditas da nova-iorquina Amanda Loeb, a divertida e encantadora protagonista do chick-lit “A Pílula do Amor”, são o ponto de partida deste novo livro – “Antídoto: Confissões de uma hipocondríaca apaixonada”. A personagem, na faixa dos 30 anos, assumidamente neurótica e hipocondríaca, enfrenta novos desafios em sua incansável busca pela felicidade. Com passagens hilárias e apaixonantes, a mais recente comédia romântica de Drica Pinotti promete deixar suas milhares de fãs ainda mais encantadas.

A caixinha de Pandora

ISBN 978-85-61384-21-0

Pandora podia não ser linda de morrer, mas era a miss simpatia da escola. Não conseguia encontrar defeito na sua personalidade tagarela de ser e acreditava que seu carisma a levaria a um lugar especial. Mas, por enquanto, de especial na sua vida só tinha mesmo as promoções da sua loja favorita.Até que Mariana Oliveira Castro, filha de uma atriz famosíssima, chegou à escola para tornar a vida de Pandora um inferno. Além de roubar sua melhor amiga e sua popularidade começou a namorar o Gabriel, o "mais" de Pandora. Agora ela terá que enfrentar as novas dificuldades da sua vida e, para ser popular de novo, reconquistar seus amigos, ser convidada para as festas e conquistar de uma vez por todas o garoto dos seus sonhos, contará com a ajuda dos passos misteriosos de um diário do século passado, que estivera enterrado no jardim da casa da sua avó. Aparentemente, ele contém a resposta para todos os seus problemas. Mas será que Pandora conseguirá seguir os passos sugeridos no diário e conquistar tudo que deseja, sem se perder na jornada?

O diário de Pandora - As confusões do primeiro amor

ISBN 978-85-7980-129-7

Pandora Graziela não é uma menina perfeita, é uma adolêscente normal: tem 14 anos e meio, mas prefere dizer que tem 15, é apaixonada pelo Justin Bieber e pelo McFly e precisa enfrentar a escola todos os dias. Suas preocupações, no entanto, vão muito além disso: ela namora Rogerinho, um menino de 17 anos que já está na faculdade, e essa diferença de idade e de mundos é motivo de inquietação. Essa situação fica ainda pior quando ela encontra Ludmila, uma aluna da turma que ressurge linda e radiante após as férias. Uma coisa, porém, não muda: a implicância em relação a Dora. O irmão de Ludmila estuda com Rogerinho na faculdade e a inimiga utiliza as informações para encher a cabeça de Pandora de minhocas. Como se não bastassem todos os problemas da adolêscencia que Dora tem que superar, ela encara a curiosidade de seu irmãozinho de 6 anos, a inflexibilidade do pai, as ondas neuróticas da mãe que faz com que todos em casa sejam adeptos do consumo sustentável. É sua mãe que a obriga a começar a escrever o diário para melhorar a caligrafia, mas Pandora percebe que o caderninho rosa e meigo é também um espaço para expor suas dúvidas, ansiedades, sentimentos e descobrir mais sobre si mesma.

FOLLOW ME

  • Facebook - Black Circle
  • Pinterest - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • Instagram - Black Circle

© 2019 by Drica Pinotti